Da natureza das coisas de Pablo Lobato

RESUMO – Da natureza das coisas de Pablo Lobato

O Museu de Arte do Rio apresenta a primeira exposição individual do mineiro Pablo Lobato na cidade. Com cerca de 40 obras, Da natureza das coisas – Pablo Lobato convida o público a uma experiência sobre a constituição das coisas e das imagens, atentando para as singularidades de suas “naturezas”. São vídeos, fotografias, instalações, objetos e uma publicação que traduzem o desejo do artista em lidar com a imanência e a experiência das coisas em estados de menor intervenção e manipulação pelo outro, lançando um olhar que desconstrói fluxos, dinâmicas e situações do cotidiano às quais estamos acostumados. As obras propõem cortes – físicos, simbólicos, políticos e espaço-temporais que buscam “liberar sentidos”.

Para tanto, o artista problematiza as ideias de temas, narrativas ou vocações de totalidade. Pablo Lobato explora a linguagem do cinema sem ter a ambição de contar histórias. portanto; a intenção é aproximar o visitante de experiências que o levem a outras formas de perceber. Em uma das obras, a instalação Expiração, o artista cria uma espécie de máquina para expirar (desarquivar e excluir) imagens. Sabendo que as cenas deixarão de existir ao fim da exibição, o espectador tem sua capacidade de percepção aguçada e, com isso, se lança com maior radicalidade à experiência da imanência – até que reste apenas um único frame branco e a reflexão sobre o lugar da imagem no mundo.

SITE

http://www.museudeartedorio.org.br/pt-br/exposicoes/atuais?exp=3661

QUANDO

26 de abril a 18 de setembro de 2016

ENDEREÇO

Museu de Arte do Rio

Praça Mauá, 5. Centro, Rio de Janeiro – RJ

INFORMAÇÕES

TEL: 21 3031.2741